Blog da Qualidade

5 livros essenciais sobre Gestão de Projetos

Receba Nossa News

Os conteúdos mais legais sobre qualidade, semanalmente em seu e-mail

Todos os dados inseridos aqui, estão resguardados pela Política de Privacidade da ForLogic, totalmente adequada a LGPD e ISO 27001 (Segurança da Informação).

Andre Roberto de Moraes

Andre Roberto de Moraes

Você está em busca de leituras sobre Gestão de Projetos? Neste artigo, apresentarei algumas dicas de livros que, a meu ver, agregarão nesta jornada de conhecimento.

Estamos adquirindo conhecimento o tempo todo, mesmo de forma involuntária. Acertos e principalmente os erros do dia a dia nos trazem aprendizados valiosos. No entanto, temos muito a aprender com as experiências compartilhadas.

É satisfatório ver que alguém que viveu um grande aprendizado pode compilar isso em uma obra e difundir esse conhecimento para a eternidade. Mas, será que estamos aproveitando esse legado para nos tornarmos gestores melhores?

Qual a importância da Gestão de Projetos para as empresas?

A gestão de projetos, alinhada com a estratégia da empresa, é fundamental para que possamos cumprir prazos e alcançar os objetivos esperados. É o que dá luz à excelência.

Mas a maior missão da gestão de projetos é sabermos, principalmente, o que não devemos fazer. Falamos um pouco mais sobre isso neste artigo do Blog da Qualidade. Confira!

Durante minha carreira, percebi que as páginas podem mudar o jogo. E para que você, caro leitor, também possa mudar o jogo por aí, trago algumas dicas de livros que vão transformar sua forma de pensar gestão.

5 livros essenciais sobre Gestão de Projetos

Temos uma gama enorme de canais que podem nos ajudar a nos aperfeiçoarmos na gestão, desde este blog até podcasts e cursos. Porém, grande parte deste conteúdo tem sua origem nos livros. Então, por que não buscar direto na fonte?

Guia PMBOK: Guia do conhecimento em gerenciamento de projetos

Eu falei sobre literaturas prazerosas, mas infelizmente tenho que dizer que o PMBOK não será das leituras mais fáceis. Como um guia técnico, ele traz um conteúdo mais que completo sobre como fazer gestão de projetos, assim como um dicionário tira-dúvidas sobre a língua portuguesa.

Criado pelo PMI – Project Management Institute, é um guia global que já está em sua sétima revisão. Este livro trata de todos os parâmetros envolvidos em um projeto e as boas práticas de gestão, além de embasar certificações e MBAs mundo afora, inclusive o meu.

As práticas do PMBOK são importantíssimas para a gestão de projetos. Porém, seu processo deve ser compatível com sua organização. Não tente criar o processo perfeito de primeira. Evolua sua gestão de projetos, sempre em busca do ideal, mas coletando aprendizados pelo caminho. Isso é excelência!

A Meta – Eliyahu M. Goldratt

O coração bate mais forte nesta recomendação. A Meta foi o livro que me fez gostar desse tipo de literatura.

Por se tratar de um romance, a leitura se torna muito mais fluída. Além disso, a conexão com o protagonista Alex é intensa, sendo que este é diretor de uma fábrica com grande risco de encerramento de suas atividades.

O livro aborda o uso da Teoria das Restrições, utilizando a metodologia socrática para resolver problemas de gargalos e gestão de recursos. Sempre indo em direção à meta da empresa.

Se deu certo? Aí só conferindo as aventuras de Alex, seu mentor Jonah, e seu time.

A relevância deste livro é que a Teoria das Restrições pode ser aplicada em quase tudo no contexto organizacional. As lições do livro ajudam não só a enxergar o que deve ou não ser feito, mas também como melhorar exponencialmente sua produtividade. Vale demais a leitura.

O Projeto Fênix – Gene Kim, Kevin Behr e George Spafford

O “irmão mais novo” de A Meta, traz uma abordagem mais moderna sobre a gestão de projetos, dessa vez em uma empresa de tecnologia. A organização precisa se reinventar para não ser engolida pelo mercado, mas as coisas não saem como esperado.

Acompanhamos a história de Bill, um cara que queria ficar tranquilo como gestor de área, mas foi convocado para um desafio gigante de reestruturação das operações. Este desafio lhe colocaria numa posição de lidar com o recurso mais complexo de uma organização: pessoas.

Este livro traz lições valiosas de gestão de recursos e prazos, deixando as informações claras e evidenciando principalmente onde fazer a diferença. O Neto, CXO da ForLogic, citou este livro no Qualicast #141, sobre Portfólio de Projetos, com a participação deste que vos escreve. Não deixe de ouvir!

Scrum: a arte de fazer o dobro do trabalho na metade do tempo – Jeff Sutherland

Esta obra trata da metodologia Scrum, de sua criação e como foi difundida no meio da tecnologia, e acabou furando a bolha e chegando na gestão de projetos em geral. Afinal, esta ferramenta visa entregas muito maiores em prazos muito menores.

Em alguns cases, somos apresentados a uma estrutura de trabalho com muitas semelhanças ao PDCA. No entanto, este modelo pode ser trabalhado de forma mais direta, pontual e principalmente, ágil.

O Scrum possui algumas premissas que talvez não sejam possíveis de aplicar na sua gestão. Porém, diversos insights do método podem lhe ajudar a ter uma gestão de projetos com rotinas que garantem que nada vai passar batido. Principalmente no contexto de planejamento, revisão e acompanhamento.

SPRINT – Jake Knapp, John Zeratsky e Branden Kowitz

Falamos muito sobre gestão de recursos, pessoas, prazos e restrições. No entanto, muitas vezes fazemos grandes planejamentos e esquecemos do quanto a experimentação é necessária para que possamos corrigir a rota rapidamente.

Em SPRINT, somos apresentados a uma metodologia desenvolvida pelo Google para a prototipagem e lançamentos. Conhecemos casos práticos de empresas que testaram seus produtos de forma consistente, com entregas em uma semana, colocando todo o foco da equipe naquela validação com o cliente.

A dedicação e a velocidade são pontos chaves desta metodologia. E por mais que tenha surgido em uma empresa de tecnologia, pode ser aplicada de uma operação hoteleira a uma venda de cafés gourmet. Se colocarmos o time na mesma sintonia. Leitura rápida e efetiva.

Em tempos de internet, que tal abrir um livro?

O que me fez virar a chave para aderir à leitura foram meus líderes e mentores.

Percebi que todo grande ensinamento que recebi, vinha embasado em algum destes ou outros livros. A Meta, por exemplo, mostra que um livro sobre uma fábrica na década de 70 pode ser atual.

A grande sacada da leitura, como aprendizado, é poder colocar em prática a todo momento e tornar a cultura de excelência viva!

Você já leu algum desses livros? Qual impacto trouxe a você? E quais outros livros indica para quem se interessa por Gestão de Projetos? Deixe aí nos comentários!

Sobre o autor (a)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog da Qualidade

Artigos relacionados