Blog da Qualidade

Gurus da Qualidade: Genichi Taguchi

Receba Nossa News

Os conteúdos mais legais sobre qualidade, semanalmente em seu e-mail

Todos os dados inseridos aqui, estão resguardados pela Política de Privacidade da ForLogic, totalmente adequada a LGPD e ISO 27001 (Segurança da Informação).

Leonardo Mendes Bueno

Leonardo Mendes Bueno

Você já ouviu o nome Genichi Taguchi? Caso ainda não, sente-se confortavelmente e pegue um café. Iremos te contar a história de um profissional comprometido com a Qualidade e que deve ser lembrado como tal.

Nascido em 1924 no Japão, Taguchi se tornou um dos principais especialistas em engenharia de qualidade do século XX. Seu trabalho influenciou profundamente a indústria e revolucionou a forma como as empresas abordam a qualidade dos produtos e processos.

Neste artigo, exploraremos a vida e as contribuições de Genichi Taguchi para o campo da Qualidade e porque seu legado perdura até os dias de hoje!

A Jornada de Genichi Taguchi

Genichi Taguchi iniciou sua jornada na Qualidade como engenheiro elétrico e estatístico. Mas, sua paixão pela pesquisa e melhoria da qualidade o levou a explorar áreas como a engenharia industrial e experimental.

Ele se formou em engenharia elétrica na Universidade Nacional de Taiwan. Posteriormente, Taguchi obteve um doutorado em estatística matemática na Universidade de Kyushu, no Japão.

Sua carreira decolou quando ingressou na empresa de telecomunicações Electrical Communication Laboratory, que mais tarde se tornou a gigante NEC Corporation. Foi lá que ele começou a desenvolver e aplicar suas teorias sobre melhoria de qualidade e controle de processos, sob forte influência de William Edwards Deming.

O trabalho pioneiro de Taguchi logo chamou a atenção e o catapultou para a vanguarda do movimento de melhoria da Qualidade no Japão.

Principais obras

Genichi Taguchi deixou um legado em suas obras, garantindo que o conhecimento acumulado de suas experiências fosse passado em frente:

  • Introduction to Quality Engineering (Introdução à Engenharia da Qualidade), 1986.
  • Taguchi Methods Orthogonal Arrays and Linear Graphs (Métodos Taguchi Matrizes Ortogonais e Gráficos Lineares), 1987.
  • Quality Engineering in Production Systems (Engenharia da Qualidade em Sistemas de Produção), 1988.
  • Taguchi on Robust Technology Development (Taguchi sobre Desenvolvimento Robusto de Tecnologia), 1992.
  • Taguchi Methods: Research and Development (Métodos Taguchi: Pesquisa e Desenvolvimento), 1993.
  • Taguchi Methods: Design of Experiments (Métodos Taguchi: Projeto de Experimentos), 1993.

A Metodologia Taguchi nos processos e produtos

A filosofia de Genichi Taguchi é enraizada em sua crença de que a qualidade deve ser projetada nos produtos e processos desde o início. Em vez de depender apenas de inspeções finais para garantir a conformidade, é preciso dar atenção à qualidade já nas primeiras etapas.

Ele argumentava que, ao considerar a variação desde o estágio de design, as empresas poderiam economizar recursos e evitar problemas dispendiosos no futuro.

Uma das contribuições mais notáveis de Taguchi foi o desenvolvimento da Metodologia Taguchi. Ela enfatiza a otimização do desempenho do produto ou processo, mesmo em face de variações naturais.

Sua abordagem considera a robustez. Isto é, a capacidade de um produto ou processo de funcionar consistentemente, independentemente das variações nas condições de produção ou uso.

O Experimento Taguchi

Uma das ferramentas mais reconhecíveis associadas a Genichi Taguchi é o “Experimento Taguchi” ou “Projeto de Experimento Taguchi”. Esse método revolucionário permite que as empresas avaliem e otimizem sistematicamente seus processos e produtos com eficiência.

O Experimento Taguchi envolve a identificação e avaliação de variáveis ​​críticas. São fatores que afetam um processo ou produto e a realização de experimentos controlados para determinar as configurações ideais desses fatores.

A abordagem visa minimizar a sensibilidade do desempenho em relação às variações, tornando os produtos e processos mais robustos e consistentes.

Quais foram as principais contribuições de Genichi Taguchi?

O trabalho de Genichi Taguchi influenciou profundamente a indústria e a gestão da qualidade em todo o mundo.

Seu enfoque na prevenção de problemas, em vez de correção, contribuiu para a redução de custos e o aumento da satisfação do cliente em muitas empresas. Algumas das maneiras pelas quais seu legado perdura incluem:

  • Redução de Variação: A abordagem Taguchi ajudou a reduzir a variação nos processos de fabricação, resultando em produtos mais consistentes e de alta qualidade.
  • Economia de Custos: Ao evitar retrabalho e garantir a conformidade desde o início, as empresas economizaram significativamente em custos de qualidade.
  • Satisfação do Cliente: Produtos mais robustos e confiáveis ​​geralmente se traduzem em maior satisfação do cliente e lealdade à marca.
  • Melhoria Contínua: O foco em otimização contínua se tornou uma parte fundamental das práticas de gestão da qualidade em muitas organizações.
  • Padrão Global: As técnicas e princípios de Taguchi são amplamente aceitos em todo o mundo como uma abordagem eficaz para a melhoria da qualidade.

O trabalho de Genichi Taguchi lhe rendeu inúmeros prêmios e honrarias ao longo de sua carreira. Ele foi premiado com a Medalha Deming, o mais alto prêmio de qualidade do Japão, em 1960.

Além disso, o Prêmio Taguchi, que reconhece realizações notáveis ​​na aplicação das técnicas Taguchi, foi estabelecido em sua homenagem.

Genichi Taguchi: um nome a ser lembrado

Genichi Taguchi deixou um impacto permanente na indústria e na gestão da qualidade. Sua abordagem, enfatizando a prevenção de problemas e a otimização de produtos e processos desde o início, segue como referência no campo da qualidade.

À medida que as empresas buscam a excelência operacional e a satisfação do cliente, o legado de Genichi Taguchi se mantem como fonte de inspiração e orientação.

Se você quer saber mais sobre outros Gurus da Qualidade, não deixe de acompanhar as postagens aqui no Blog da Qualidade!

Sobre o autor (a)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog da Qualidade

Artigos relacionados