Blog da Qualidade

Layout nas operações produtivas

Receba Nossa News

Os conteúdos mais legais sobre qualidade, semanalmente em seu e-mail

Todos os dados inseridos aqui, estão resguardados pela Política de Privacidade da ForLogic, totalmente adequada a LGPD e ISO 27001 (Segurança da Informação).

Juliana Geremias

Juliana Geremias

Graduada em Administração de Empresas, MBA em Gestão da Qualidade e Auditora Líder ISO 9001. "Qualidade é o resultado de um ambiente cultural cuidadosamente construído. Tem que ser o tecido da organização, não parte do tecido." Phil Crosby

O layout preocupa-se com a localização física dos recursos de transformação, ou seja, com os recursos que vão transformar os insumos em bens ou serviços. Definir o layout é decidir onde colocar todas as instalações, máquinas, equipamentos e pessoal da produção.
O layout é uma das características mais notáveis em uma operação, pois também está relacionado com a aparência da organização, ninguém gosta de trabalhar em um ambiente desorganizado e muito menos entrar em um ambiente bagunçado. Além do mais, os recursos organizados de forma correta evitam uma série de transtornos e consequentemente levam ao aumento da produtividade.

IMPORTÂNCIA DO LAYOUT

Existem algumas razões pelas quais a decisão do layout é importante:

  • É uma atividade difícil e de longa duração, devido às dimensões físicas dos recursos de transformação.
  • Modificar o layout de uma operação já iniciada, pode levar a insatisfação do cliente e perdas de produtividade.
  • Se o layout for projetado de maneira incorreta, pode levar a fluxos relativamente longos e confusos, estoques, filas de espera de clientes, tempos mais longos de processamentos, altos custos, etc.


É muito importante conhecermos nossos processos para definirmos o tipo de layout que melhor se adequa a ele, pois uma empresa o jamais poderá apresentar um processo desorganizado, pois sua imagem perante ao seu cliente é muito importante e além do mais, um layout mal programado também causará problemas de perdas no processo, afetando a produtividade.

REFERÊNCIA

SLACK, Nigel. Administração de Produção. São Paulo: Atlas, 2002.

Aprenda mais sobre assunto lendo o post Layout em Células de Manufatura.

Sobre o autor (a)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog da Qualidade

Artigos relacionados