Blog da Qualidade

WEBINAR AO VIVO
Dia 05 de Abril 10h00min

Melhoria contínua – 5º Princípio de Deming

Receba Nossa News

Os conteúdos mais legais sobre qualidade, semanalmente em seu e-mail

Todos os dados inseridos aqui, estão resguardados pela Política de Privacidade da ForLogic, totalmente adequada a LGPD e ISO 27001 (Segurança da Informação).

Vanessa Prado

Vanessa Prado

É comum ouvir profissionais da qualidade dizer que atuar nas não conformidades, tomando ações para eliminar causas, geram melhorias para os processos e para a organização. Sim, isso é uma verdade, também concordo! 

Inclusive, a norma ISO 9001:2015, em NOTA, esclarece:

“Exemplos de melhoria podem incluir correção, ação corretiva, melhoria contínua, mudanças revolucionárias, inovação e reorganização.” 

plano-de-acao-anuncio-1200x175px

Vejam que na NOTA a melhoria contínua é um dos exemplos de melhoria. Aqui neste artigo, quero falar exatamente da melhoria contínua na perspectiva do guru Edwards Deming.

No ano de 1986, em seu livro “Saia da Crise”, Deming trouxe o que, atualmente, chamamos de Os 14 Princípios de Deming; a melhoria contínua é o 5º entre eles.

A máxima desse princípio é melhorar constantemente e eternamente sistemas de produção de bens e serviços e a seguir vamos falar sobre a visão de Deming sobre melhoria contínua.

A qualidade deve ser buscada desde a fase de projeto

Sim, dessa maneira entendo que a organização demonstra que realmente o foco é o cliente.

Pensar nos requisitos do cliente desde o momento da concepção do bem ou serviço garante mais qualidade do que pensar nele só na produção. Afinal, pensar na qualidade só na produção pode ser tarde demais e caro demais também.

A qualidade sempre começa com a intenção

Boas intenções são muito importantes para desenvolver um bom produto. Se a intenção for boa, certamente ela terá conexão com as necessidades e expectativas dos clientes. Garante uma entrega consistente ao cliente.

Será mesmo que é o inferno que está cheio de boas intenções? 

Cada produto deve ser visto como único

É o foco no cliente pensado desde a fase de projeto aliado ao desenvolvimento em equipe que torna um produto bom aos olhos do cliente.

Nesse ponto, Deming traz uma comparação entre os Estados Unidos e o Japão. Sendo que nos Estados Unidos as especificações são pensadas nos mínimos detalhes, enquanto no Japão a preocupação é com a constância e a uniformidade da entrega. Muitas vezes, são tantas especificações que mal conseguem cumpri-las, enquanto a uniformidade desperta a percepção no cliente de que ele sempre sabe o que vai chegar porque tem padrão.

Investir em conhecimento

Alocação de grandes montas de dinheiro na qualidade não garante qualidade. Só isso não basta; é preciso investimento em conhecimento para obter melhorias. Deming diz algo que parece estranho, mas nem tanto assim: conhecimento gera medo. Mas esse é assunto para um outro post sobre o 8º princípio de Deming.

Resolver problemas não quer dizer que está acontecendo melhoria

Aqui neste ponto eu convido vocês a voltar rapidinho no início desse texto e juntos ressignificar a melhoria contínua tão falada nas organizações. Vou deixar aqui uma frase que, com ela, facilmente entenderão a verdadeira melhoria contínua.

Só ocorre melhoria contínua quando estamos melhorando algo que já está bom.  

Dessa maneira Deming tem toda razão: enquanto estamos eliminando causa raiz de problemas não está ocorrendo melhoria. E nessa mesma linha temos Joseph M. Juran dizendo que ao sanar causas de defeitos estamos apenas buscando retornar o processo de onde ele nunca deveria ter saído.

Isso faz sentido para você também?

Melhoria Contínua deve ser feita por meio de estudo de processo estável

Pois bem, como falar em melhoria contínua em processos que ainda não entregam resultados? Impossível! 

É impossível porque para melhorar processos é preciso estudá-los, mas se não tiver dados não tem como estudar, portanto, não é possível melhorá-lo. 

Caro leitor…

A pergunta é: você sabe dizer se o seu processo melhorou? Como ele era há 1 ano atrás e como está agora? Se você tem dados para essa resposta, parabéns!!! Certamente você conseguirá ressignificar a melhoria contínua aí na sua organização.

Para entender um pouco mais sobre o 5º Princípio de Deming – Melhoria contínua, assista ao vídeo abaixo e deixe suas opiniões nos comentários.

Idealizado por Forlogic | Saiba mais sobre qualidade em https://ferramentasdaqualidade.org/
Conheça nossos softwares:
Gestão da Qualidade | Gestão da Metrologia

Sobre o autor (a)

1 comentário em “Melhoria contínua – 5º Princípio de Deming”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Blog da Qualidade

Artigos relacionados

ocorrênias 500x800

deixou de acompanhar as ações de
um projeto e ATRASOU a entrega?

O Qualitfy pode ajudar