Blog da Qualidade

Gurus da Qualidade: David A. Garvin

Receba Nossa News

Os conteúdos mais legais sobre qualidade, semanalmente em seu e-mail

Todos os dados inseridos aqui, estão resguardados pela Política de Privacidade da ForLogic, totalmente adequada a LGPD e ISO 27001 (Segurança da Informação).

Leonardo Mendes Bueno

Leonardo Mendes Bueno

No mundo da qualidade, excelência e gestão, existiram alguns pensadores que contribuíram significativamente para a área. David A. Garvin é um desses nomes. Este renomado acadêmico e pensador tem influenciado e moldado a forma como as organizações abordam a qualidade e a gestão.

Neste artigo, exploraremos a vida e as ideias de David A. Garvin, destacando seu impacto duradouro e suas valiosas lições. Continue a leitura para entender um pouco mais!

A Vida e a Carreira de David A. Garvin

David A. Garvin, nascido em 1952 em Nova York, e falecido em 2017, foi um acadêmico e professor da Harvard Business School. Ele se destacou por sua dedicação ao estudo da gestão, qualidade e excelência.

Durante sua carreira, Garvin se envolveu em pesquisas abrangentes, publicou diversos artigos e livros, e se tornou uma voz influente na área. Alguns de seus principais livros são:

  • Gerenciando a Qualidade: A Vantagem Estratégica e Competitiva, de 1988;
  • Estratégia de Operações: Texto e Casos, de 1992;
  • Aprendizagem em ação: um guia para colocar a organização que aprende em ação, de 2000;
  • Gestão Geral: Processos e Ações, de 2002.

Se a Qualidade deve ser gerenciada, ela deve primeiro ser compreendida” – David A. Garvin

Em 1984 publicou no MIT Sloan Management Review, uma das faculdades mais renomadas do mundo, o artigo “O que significa realmente Qualidade do Produto?”.

Foi nessa ocasião que lançou suas principais ideias sobre a Gestão Estratégica da Qualidade: as Cinco Abordagens da Qualidade e as Oito Dimensões da Qualidade. Iremos abordar estes conceitos em seguida.

 Contribuições e Ideias-chave de David A. Garvin

David Garvin teve contribuições significativas para a área da gestão e da qualidade. O Modelo das Oito Dimensões da Qualidade é uma das contribuições mais notáveis de Garvin.

Ele delineou as características que definem a qualidade de um produto ou serviço: desempenho, características, confiabilidade, conformidade, durabilidade, serviço, estética e percepção.

Além disso, Garvin enfatizou a importância da melhoria contínua como uma abordagem fundamental para alcançar a excelência. Ele argumentou que as organizações devem se esforçar constantemente para aprimorar processos, produtos e serviços.

O destaque da relevância do aprendizado organizacional para o sucesso também sempre esteve em pauta. Ele defendeu que as organizações devem encorajar a experimentação e a adaptação, promovendo um ambiente em que a aprendizagem seja valorizada.

Por fim, também trouxe luz às suas 5 Abordagens da Qualidade: Transcendental, Centrada no Produto, Centrada no valor, Centrada na fabricação e Centrada no cliente.

8 Dimensões da Qualidade

Uma das contribuições mais notáveis de Garvin é o modelo das oito dimensões da qualidade, citado anteriormente. Ele estabeleceu as características que definem a qualidade de um produto ou serviço:

  • Desempenho: Refere-se à capacidade do produto ou serviço de executar suas funções de maneira eficaz e eficiente. Envolve características como velocidade, precisão, eficácia e confiabilidade.
  • Características: São os recursos adicionais ou atributos que agregam valor ao produto ou serviço. Essas características podem ser únicas e se destacar em relação à concorrência, como um recurso especial em um produto eletrônico.
  • Confiabilidade: Diz respeito à consistência do desempenho ao longo do tempo. Produtos ou serviços confiáveis são aqueles que não apresentam falhas ou defeitos frequentes. Além disso, são capazes de manter um bom funcionamento ao longo de sua vida útil.
  • Conformidade: Refere-se à aderência do produto ou serviço a padrões, regulamentos e especificações predefinidos. Produtos ou serviços que estão em conformidade com esses requisitos têm maior probabilidade de serem confiáveis e seguros.
  • Durabilidade: Relaciona-se à vida útil do produto ou serviço e à sua capacidade de resistir a desgaste e deterioração ao longo do tempo. Produtos duráveis têm uma longa vida útil e mantêm sua qualidade por mais tempo.
  • Serviço: Envolve o suporte ao cliente e a assistência fornecida após a venda do produto ou prestação do serviço. Isso inclui atendimento ao cliente, garantias, manutenção e outros serviços pós-venda.
  • Estética: Diz respeito à aparência visual do produto ou serviço. A estética pode influenciar a percepção do cliente sobre a qualidade e o valor do produto, afetando a decisão de compra.
  • Qualidade percebida: Refere-se à percepção subjetiva do cliente sobre a qualidade do produto ou serviço. Isso pode ser influenciado por experiências anteriores, marca, reputação e outras considerações emocionais.

Essas oito dimensões da qualidade oferecem uma estrutura abrangente para avaliar e melhorar a qualidade de produtos e serviços em diversas indústrias e setores.

Cada dimensão possui um papel importante na percepção geral da qualidade, por parte dos clientes, e no sucesso de um produto ou serviço no mercado.

Aplicação das Ideias de David A. Garvin:

As ideias de David A. Garvin são aplicadas em diversas áreas, incluindo:

  • Gestão de Qualidade Total (TQM): Suas ideias estão no cerne da TQM, onde a busca constante pela melhoria contínua e o foco na excelência são princípios fundamentais.
  • Desenvolvimento de Produtos e Serviços: O modelo das oito dimensões da qualidade influencia a maneira como produtos e serviços são concebidos, avaliados e aprimorados.
  • Cultura de Aprendizado: A ênfase de Garvin no aprendizado organizacional moldou abordagens que promovem a inovação e a adaptação em ambientes em constante mudança.

O legado de Garvin

David A. Garvin deixou um legado inegável no campo da qualidade, excelência e gestão. Suas contribuições moldaram a maneira como as organizações buscam a excelência, promovendo a melhoria contínua e a aprendizagem organizacional.

Seu modelo das oito dimensões da qualidade continua a ser uma estrutura relevante para avaliar a qualidade e a satisfação do cliente.

Como acadêmico e pensador, Garvin deixou um impacto duradouro que continua a inspirar profissionais e líderes em todo o mundo. Em sua trajetória essa importante figura da Qualidade reforçou a importância da busca constante pela excelência.

Conheça outros gurus da Qualidade em nosso Blog da Qualidade!

Sobre o autor (a)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog da Qualidade

Artigos relacionados