Blog da Qualidade

WEBINAR AO VIVO
Dia 05 de Abril 10h00min

ISO faz 75 anos, e você com isso?

Receba Nossa News

Os conteúdos mais legais sobre qualidade, semanalmente em seu e-mail

Todos os dados inseridos aqui, estão resguardados pela Política de Privacidade da ForLogic, totalmente adequada a LGPD e ISO 27001 (Segurança da Informação).

Jeison

Jeison

Sou co-fundador da ForLogic Software, hoje atuo com gente, cultura e gestão. Sou um dos criadores do Qualiex, do Qualicast (o 1º Podcast nacional focado em qualidade), criador do Blog da Qualidade (o maior blog sobre Qualidade do Brasil). Mestre em Engenharia da Produção pela UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), auditor líder formado com orgulho pela ATSG na ISO9001 e 22000, pai, empreendedor, e um inconformado de plantão!
Acredito na responsabilidade do indivíduo, no poder da qualidade e que podemos fazer diferente. Me acompanhe no Linkedin e no Instagram.

A ISO faz 75 anos, e isso tem tudo a ver contigo! Quando nasceu em 1947 a ISO (International Organization for Standardization) o mundo estava em reconstrução, acabando de sair da segunda guerra mundial. Os países buscavam, com coragem e entusiasmo, descobrirem novas técnicas para serem mais eficazes nessa reconstrução, e é daí que vem o espírito das normas ISO.

ISO, não é um acrônimo, e sim derivado do grego, da palavra isos ( ίσος, que significa “igual”). Logo, seja qual for o país ou idioma, a forma abreviada sempre será ISO.

ISO faz 75 anos! Mas por que comemorar? As normas não garantem nada.

Poderia descrever muitos motivos para comemorar, mas o mais importante é por ser um avanço para a humanidade, sistematizar parte de seu conhecimento em normas que são distribuídas mundialmente. Vai além de um avanço, se olharmos que conseguimos reunir mais de 165 países em torno de temas relevantes que respondem aos anseios da sociedade.

Sempre que existe uma norma, é porque atende uma demanda da sociedade que precisa de um compêndio técnico que auxilie no tema.

As normas vão desde a mais famosa ISO9001 – Sistemas de Gestão da Qualidade, com uma família de normas voltadas para o tema, (as normas da família 9000), até Compliance (ISO37301), Antissuborno (37001) Corrupção que estão na família das normas de governança da ISO 37000, passando pelas ligadas à segurança da informação, saúde, meio ambiente e praticamente, toda área do conhecimento relevante.

Sim, nós estamos sistematizando o conhecimento, transformando isso em normas, e tornado público o que sabemos. Isto é, sem dúvida, um bom motivo para comemorar.

As normas não garantem nada.

Não. Não garantem.

As normas apoiam quem quer buscar a conformidade. Mas, a norma não tem papel de policiar. Há uma extensa discussão sobre o papel da ISO, dos organismos certificadores para a promoção de padrões relevantes para que sejam realmente levados a sério. Acredito inclusive, que isso deva ser mais explorado.

O ponto aqui é: as normas são importantes para quem quer fazer direito. Quem quer se desenvolver, por exemplo, hoje pode contar com mais de 24 mil normas que podem servir como apoio para isso.

O que não garante que empresas burlem as certificações, sabemos que existem empresas de todos os tipos, mas isso é tema para outro artigo. A verdade é que as normas apoiam pessoas e empresas sérias, que querem fazer o certo. E isso basta.

E a norma ainda é importante?

Sim. Ela pode não ser “a coisa mais moderna do mundo”, mas com certeza, ela é um excelente benchamark de como a coisa pode ser feita. Sem contar que é um consenso que tem a validação de 160 países. E quando você se certifica em uma norma, ela abre portas internacionais.

Qualquer país pode exigir que você tenha certificação em uma norma internacional para vender seus produtos e serviços lá. E isso não é considerado barreira técnica pela organização mundial do comércio, logo, é legítimo.

Além do que, quando você diz, que atende uma norma específica, ao realizar negócios com o outro lado do mundo, qualquer pessoa de outro país, pode pegar essa mesma norma, no seu idioma local e entender o que você disse e melhor, saber quais requisitos sua empresa atende.

Obrigado criança de 75 anos.

O caminho que a ISO deve trilhar ainda está começando. Desafios surgem a todo momento, as normas nunca foram tão integradas, e integráveis (obrigado ANEXO SL), e isso abre um mar de oportunidades. Mais uma vez, o mundo se prepara para um recomeço, depois de uma guerra contra um vírus que paralisou economias do mundo todo e ceifou vidas.

Mas eu acredito que a ISO ainda é uma criança que vai nos dar muitas alegrias, e também, trabalho pra atender todos os seus requisitos, e isso é ótimo! Parabéns, ISO! Obrigado por erguer o sarrafo para que a gente possa saltar, cada vez mais alto. A ISO, tem tudo a ver com a gente!

 

Idealizado por Forlogic | www.forlogic.net
Saiba mais sobre qualidade em http://ferramentasdaqualidade.org/
Conheça nossos softwares:
Gestão da Qualidade https://qualiex.com/ | Gestão da Metrologia https://metroex.com.br/

Sobre o autor (a)

4 comentários em “ISO faz 75 anos, e você com isso?”

  1. A ISO para alguns empresários é motivo de terror para os empregados, já que o dono por não compreender a filosofia da qualidade visa o selo como uma oportunidade de lucrar mais, porém não procura assimilar culturalmente na organização a ISO. Esperamos que ISO continue crescendo e mudando mentalidade .

  2. Parabéns pela reflexão, uma visão realista e gostaria de pedir permissão para repassar parte dessa reflexão para a minha rede de contato nas redes sociais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Blog da Qualidade

Artigos relacionados