Blog da Qualidade

Lean Manufacturing ? Produção Enxuta

Receba Nossa News

Os conteúdos mais legais sobre qualidade, semanalmente em seu e-mail

Todos os dados inseridos aqui, estão resguardados pela Política de Privacidade da ForLogic, totalmente adequada a LGPD e ISO 27001 (Segurança da Informação).

Juliana Geremias

Juliana Geremias

Graduada em Administração de Empresas, MBA em Gestão da Qualidade e Auditora Líder ISO 9001. "Qualidade é o resultado de um ambiente cultural cuidadosamente construído. Tem que ser o tecido da organização, não parte do tecido." Phil Crosby

O conceito de lean manufacturing (produção enxuta) surgiu em decorrência do livro ?A máquina que mudou o mundo?, que aborda muito bem sobre esse tipo de sistema.
Quando falamos sobre produção enxuta temos como referência a montadora de automóveis Toyota, que criou seu próprio sistema de produção e obteve resultados surpreendentes comparados aos resultados obtidos pelas montadoras norte americanas e europeias, que utilizavam naquela época o tradicional sistema de produção em massa. Atualmente empresas como a Ford, GM, Chrysler e empresas de outras áreas como metalurgia, aeroespacial e de bens de consumo, criaram sistemas de produção similares ao da Toyota.
No sistema de produção enxuta várias ferramentas e técnicas são utilizadas, tais como: Kanban, Circulos de Controle de Qualidade (CCQ),  Quality Function Deployment (QFD), células de produção, entre outras; de forma integrada, permitindo que a produção seja extremamente flexível e adaptável apesar de suas especificações.

Por exemplo, a gerência da Toyota reconhece que os maiores problemas estão nos detalhes, pois isso garante que o trabalho seja altamente especificado. Quando um banco é montado num carro, todos os parafusos são apertados na mesma sequência, num mesmo tempo e no torque correto. Esse tipo de especificação é válido para todas as atividades e níveis hierárquicos da empresa, o que facilita ao funcionário saber se está realizando sua tarefa corretamente, o que reduz a variação no processo e permite que correções sejam feitas imediatamente no caso de desvios.

ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE A IMPLANTAÇÃO DE UM SISTEMA DE PRODUÇÃO ENXUTA
O sistema de produção enxuta é um tanto complexo, o que o torna de difícil implantação. É comum o insucesso na implantação desse sistema, pois muitas empresas acreditam tê-lo implantado aplicando apenas algumas ferramentas em uso, ou departamentos específicos operando em parte neste tipo de sistema. Também vemos casos de empresas que dizem trabalhar com o sistema just-in-time, mas aplicá-lo somente em rearranjos de estoques.
No sistema de produção enxuta procura-se à perfeição, que dificilmente é alcançada pois conforme os desperdícios vão sendo removidos, outros não tão significativos surgem. Mesmo assim a perfeição é um objetivo a ser seguido na produção enxuta, pois todas as técnicas utilizadas nos processos proporcionam cada vez mais sua melhoria.
Empresas que trabalham com os sistemas de produção enxuta tem uma noção muito mais clara de pessoas ou produtos, e isso as motiva para realizar melhorias contínuas muito mais do que para cumprir somente as especificações do cliente.

MARTINS, Petrônio G. LAUGENI, Fernando Piero. Administração da produção. São Paulo: Saraiva, 2006.

Sobre o autor (a)

6 comentários em “Lean Manufacturing ? Produção Enxuta”

  1. marcos coura

    Olá Rosemary, quais métodos ou processos podemos utilizar para que os colaboradores possam estar sempre motivados na produção enxuta?

  2. ADRIANO TORRES

    Olá Marcos Coura! Tudo bom amigo? A sua pergunta é muito interessante e com uma resposta tão abrangente que eu escreverei um poste sobre como motivar e manter motivada a minha equipe em uma produção lean. Mas enquanto isto não acontece vou te dar umas dicas bem macros. OK?

    1° Ponto: Você deve destacar as vantagens do lean – Ninguém mude de tarefas para no final obter o mesmo resultado, correto? apresente para eles a melhoria do dia a dia com o novo processo.

    2° Ponto: Faça uma administração participativa – Lidere seus colaboradores, isto é, envolva eles do planejamento a execução.

    3° Ponto: Sempre conscientiza-os do que cada um deve fazer – Você deve guiá-los no novo caminho, não pense que determinada tarefa é óbvia, mas sim mostre para eles o valor da tarefa.

    4° Ponto: Quebre os paradigmas – Já leu o livro O Monge e o executivo? Se não o leia, se sim o leia de novo!

    5° Ponto: Extraia deles o melhor – Deixe que seus colaboradores falem a solução dos problemas e a implantem, isto fará com que eles se sintam também donos do processo.

    Caso queira entrar em contato envia-me um e-mail.
    Um forte abraço amigo!!!

  3. Ricardo Gervasio de Andrade

    Olá Resemary!!
    Sou estudante de Eng. de Produção e vou iniciar meu TCC e pretendo falar sobre Lean Manufacturing “Produção Enxuta”, gostaria de saber se você poderia me dar algumas dicas ou mais matérias foras os do blog para que eu tenha algum norte.

  4. Cleide Santos

    Olá boa noite,
    Sou estudante do curso Técnico administração explique se a coxinha e os doces pertencem ao tipo de produção enxuta ou produção em massa, justificando que elementos do texto levam você a dar esta resposta, apresente o conceito teórico dos dois elementos.

    1. Marina Beffa

      Oi Cleide, tudo bem? Desculpa, eu não entendi a sua pergunta. Você pode explicar melhor pra mim?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog da Qualidade

Artigos relacionados