Blog da Qualidade

WEBINAR AO VIVO
Dia 05 de Abril 10h00min

Buscamos soluções ou culpados?

Receba Nossa News

Os conteúdos mais legais sobre qualidade, semanalmente em seu e-mail

Todos os dados inseridos aqui, estão resguardados pela Política de Privacidade da ForLogic, totalmente adequada a LGPD e ISO 27001 (Segurança da Informação).

Jeison

Jeison

Sou co-fundador da ForLogic Software, hoje atuo com gente, cultura e gestão. Sou um dos criadores do Qualiex, do Qualicast (o 1º Podcast nacional focado em qualidade), criador do Blog da Qualidade (o maior blog sobre Qualidade do Brasil). Mestre em Engenharia da Produção pela UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), auditor líder formado com orgulho pela ATSG na ISO9001 e 22000, pai, empreendedor, e um inconformado de plantão!
Acredito na responsabilidade do indivíduo, no poder da qualidade e que podemos fazer diferente. Me acompanhe no Linkedin e no Instagram.

Problemas acontecem.Nenhum processo é redondamente perfeito, porque o mundo está sempre mudando, e nós precisamos adaptar nossos processos a essas mudanças continuamente.Obviamente, devemos entender as causas e elaborar ações para impedir que aconteçam novamente, agindo o mais rápido possível para minimizar as consequências.É comum que na reunião de levantamento de dados, a gente ouça perguntas como:
  • Quem foi o responsável?
  • Por que você fez isso?
  • No que você estava pensando?
Porém, essas perguntas só identificarão os culpados do problema.
docs-artigos-1200x175px
Buscar o culpado da situação não resolve o problema. Pode te dar a falsa sensação de que você não pertence ao problema, mas ainda assim o problema existirá, impactará você significativamente e fará as pessoas ficarem tão apreensivas a ponto de esconderem informações importantes sobre o caso. Além disso, ninguém gosta de levar a culpa pelo erro de um processo, o que fará as pessoas omitirem os fatos cada vez mais.Essas perguntas fazem com que as pessoas respondam com justificativas ao invés de informações, e justificativas não resolvem problemas, pois não geram melhorias, nem fazem o cliente ficar mais feliz.Para resolver problemas e envolver pessoas, devemos diminuir a nossa preocupação com os culpados, e passar a observar e analisar os processos:
  • O que causou o problema?
  • Em qual parte do processo o problema aconteceu?
  • O que foi feito de maneira diferente que resultou no problema?
  • O que podemos fazer para impedir que o problema aconteça novamente?
Essas são as perguntas que mostrarão as evidências do problema e que servirão de base para criar os planos de ação.Portanto, o foco deve estar na procura de melhorias, e não na penalização das pessoas pelos erros cometidos. Isso não significa que você nunca mais deva disciplinar ou corrigir as pessoas, só quer dizer que o foco é sempre o cliente! 
LAWTHER, James. Getting it Right When it all Goes Wrong

Sobre o autor (a)

2 comentários em “Buscamos soluções ou culpados?”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Blog da Qualidade

Artigos relacionados

ocorrênias 500x800

deixou de acompanhar as ações de
um projeto e ATRASOU a entrega?

O Qualitfy pode ajudar