Blog da Qualidade

WEBINAR AO VIVO
Dia 05 de Abril 10h00min

A crise brasileira vai atingir a sua empresa?

Receba Nossa News

Os conteúdos mais legais sobre qualidade, semanalmente em seu e-mail

Todos os dados inseridos aqui, estão resguardados pela Política de Privacidade da ForLogic, totalmente adequada a LGPD e ISO 27001 (Segurança da Informação).

Ariele

Ariele

Graduada em Letras. Especialização em Letras – Estudos Contemporâneos em Literatura em andamento. Experiência com tutoria virtual e marketing de serviços. Possuo habilidades em escrita, leitura e interpretação de textos artísticos e literários. Procuro ser proativa, gosto de desafios e de novas aprendizagens, me considero habilidosa no que diz respeito a falar e tratar com públicos de variados perfis e de trabalhar em equipe. Meu LEMA é agregar valor à empresa, fidelizando e bem tratando os clientes e sendo facilitadora da relação negócios e satisfação. Também estou no Facebook, Twitter, Google+ e Linkedin.

Atenção! Estudos recentes indicam que apenas 6 pessoas sofrem com a crise econômica: Eu, Tu, Eles, Nós, Vós, Eles.Não sou economista, nem empresária, não invisto na bolsa de valores, sou apenas uma Brasileira que percebeu como está a economia no nosso País. Aliás, não precisa muito para isso, basta ligar a televisão, navegar na internet, receber as contas no fim do mês, ir ao mercado para saber sobre o cenário econômico, político e financeiro do Brasil. O fato é que isso impacta diretamente em nossa vida, no orçamento, objetivamente falando. A economia mundial está vivendo um momento único na história. Estamos vivendo uma crise causada por outras crises.O objetivo aqui não é ir a fundo sobre os motivos da crise atual, nem entender os fatores que colaboram para isso, mas sim tentar responder as seguintes perguntas:
De que forma as empresas vão atuar para sobreviver no mercado perante a crise atual? Isso vai afetar sua empresa?
O setor corporativo não pode ignorar a existência da crise, bem como as suas ameaças. A qualidade não pode cair, a não ser que você deseje que a sua empresa também enfrente uma crise.
docs-artigos-1200x175px
Mas o que tem a ver a Crise e Qualidade?A qualidade é uma das maneiras mais importantes de garantir o valor de produtos e de serviços, e ganhar competitividade no mercado diante dos seus concorrentes. O conceito de qualidade avançou bastante, pois antigamente ele restringia-se na identificação de erros e no lado negativo das rotinas, hoje o cenário é outro. Qualidade deve ser vista como um termômetro na sua Empresa, é ela que vai estabelecer pontos de melhoria, sinalizando o que não está bom, o que está e o que pode melhorar. Não é à toa que escutamos cada vez mais sobre Qualidade de um Produto, Qualidade de um Serviço, Qualidade de Ensino, Qualidade de Vida, etc. Com o aparecimento em todos os domínios de produtos cada vez com melhor qualidade, as pessoas adquiriram uma nova cultura e tornaram-se mais exigentes e sensíveis, diferenciando-se de tempos atrás. A qualidade não está só em voga, nem é apenas uma tendência, por isso não devemos nos esquecer do quanto ela é importante para a empresa.Sendo assim, em meio à crise é latente a necessidade de adotar ações para atrair e conquistar o interesse de clientes potenciais e fidelizar aqueles já conquistados. Mas como?É preciso ter práticas de gestão que atendam de maneira efetiva a necessidade dos seus clientes. Os clientes já existentes não procuram outra empresa quando estão satisfeitos com o serviço ou o produto que está sendo oferecido, logo a Qualidade é fundamental.A princípio, é necessário verificar qual é o segmento da sua empresa, no que ela atua, o que você vende. Só assim é possível definir qual abordagem será utilizada. Em suma, gerir com qualidade é ter em mente que deve haver uma busca contínua da satisfação das necessidades dos clientes. A partir do momento em que é implantado na sua empresa um sistema de gestão da qualidade é possível conseguir alguns benefícios, como:
  • Aumentar a satisfação e a confiança dos clientes;
  • Aumentar a produtividade;
  • Melhorar os processos de modo contínuo;
  • Acessar mais fácil novos mercados;
  • Medir a satisfação dos clientes e atuar sobre os resultados;
  • Gerenciar o relacionamento com os clientes.
Portanto,  a gestão da qualidade é uma grande aliada, sendo uma atividade estratégica para controlar uma organização com o intuito de possibilitar a melhoria de produtos/serviços  visando a completa satisfação dos clientes, ou ainda, a superação de suas expectativas.Porque…“Gestão e sobrevivência andam lado a lado.” – Joseph CarvalhoA crise vai afetar a todos, isso é fato! Quem vai permanecer de pé vai depender do quanto investiu em maneiras efetivas de manter o negócio sustentável, e aí melhoria contínua e relacionamentos verdadeiros com clientes faz todo sentido.Conflitos, riscos e problemas podem surgir em quantidade, mas saber geri-los é questão de qualidade. Esteja preparado!   

Sobre o autor (a)

8 comentários em “A crise brasileira vai atingir a sua empresa?”

  1. Gostei da relação crise com a qualidade do produto. Pois só quem oferecer um serviço ou produto de qualidade é que tem chances de permanecer no mercado, pelo menos a chance é maior. A gestão nesse momento em que estamos vivendo fará toda diferença.

  2. E pensar que em momentos de crise não podemos deixar nos abater. A empresa não pode perder qualidade, não pode parar de investir nisso, pelo menos nisso não. Qualidade não se economiza, certo? Senão aí sim, teremos uma crise empresarial, como se não bastasse a crise brasileira.

    1. Ariele Salles Teixeira

      Muito bem, Juliana. Esse era o objetivo, fazer com que as pessoas assimilem que a crise é um fato, porém não podemos deixar que isso abale a empresa, a produtividade e a qualidade. Para isso, devemos agir estrategicamente. Agradeço a contribuição! Até mais.

  3. Na empresa em que trabalho, vi um cenário atípico em plena crise brasileira. A empresa continua investindo e melhorando as áreas de trabalho, os setores, buscando pesquisas e parcerias. E ainda que de uma forma ou de outra a crise acabe afetando um pouco, seja nos preços de insumos, seja nos impostos, com qualidade mantida no mesmo nível, o preço final também pode ser readequado. O que não dá é deixar a crise chegar, perder em qualidade e quando as coisas estiverem indo por água abaixo, querer jogar o preço lá em cima para sair da crise.
    Concordo que a empresa tem que unir esforços e se necessário ter um comitê para julgar o que é possível ser feito para se distanciar ao máximo da crise sem perder naquilo que é mais importante: qualidade.

    1. Ariele Salles Teixeira

      Que bacana, Lara. Pontos para a empresa e a equipe, pois certamente estão muito bem alinhados e definem muito bem as ações estratégicas, continuar investindo e melhorando os setores nesse cenário é muito positivo. Parabéns! Agradeço a contribuição. Até mais.

  4. Realmente acredito que a crise irá afetar toda a população, mas concordo que aqueles que sempre buscaram atender os seus clientes da melhor forma, fazendo deles compradores fiéis , e sempre forneceram produtos com qualidade, estes irão passar pela crise mais tranqüilos do que os outros.

  5. Post excelente !
    Nós que prezamos pela Qualidade, temos a obrigação de transmitir este pensamento para toda organização em que trabalhamos !
    A fórmula para vencer a crise é:
    SUCESSO NA CRISE = (MUITO TRABALHO)² * (PRODUTIVIDADE) + (QUALIDADE) – (CUSTOS)

  6. Excelente artigo, onde trabalho atualmente a grande mudança organizacional que estamos trabalhando para conquistar é a cultura do enfrentamento, os gestores ainda acreditam que “jogar para debaixo do tapete” é a melhor forma de gestão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Blog da Qualidade

Artigos relacionados

ocorrênias 500x800

deixou de acompanhar as ações de
um projeto e ATRASOU a entrega?

O Qualitfy pode ajudar