Blog da Qualidade

Melhoria contínua: conheça o processo e potencialize seus resultados!

Receba Nossa News

Os conteúdos mais legais sobre qualidade, semanalmente em seu e-mail

Todos os dados inseridos aqui, estão resguardados pela Política de Privacidade da ForLogic, totalmente adequada a LGPD e ISO 27001 (Segurança da Informação).

Jeison

Jeison

Sou co-fundador da ForLogic Software, hoje atuo com gente, cultura e gestão. Sou um dos criadores do Qualiex, do Qualicast (o 1º Podcast nacional focado em qualidade), criador do Blog da Qualidade (o maior blog sobre Qualidade do Brasil). Mestre em Engenharia da Produção pela UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), auditor líder formado com orgulho pela ATSGna ISO9001 e 22000, pai, empreendedor, e um inconformado de plantão!
Acredito na responsabilidade do indivíduo, no poder da qualidade e que podemos fazer diferente. Me acompanhe no Linkedin e no Instagram.

O processo de melhoria contínua está relacionado tanto a implantação de pequenos projetos, como também a de projetos estratégicos complexos que precisam ser avaliados e gerenciados por processos organizacionais. Por isso, seus aspectos poderão refletir nos produtos, processos e até mesmo no próprio sistema de gestão da qualidade.

Algumas ações podem executadas para corrigir uma NC, entre elas temos:  ação corretiva e ação preventiva. Além disso, podemos usar as duas ações em  única ocorrência.  Antes de tudo, vou explicar um pouquinho para vocês a diferença entre elas e como aplicá-las.

O que é Melhoria contínua?

Antes de mais nada, a melhoria contínua é uma filosofia e uma abordagem que busca aprimorar constantemente os processos, produtos e serviços de uma empresa. Também conhecida como Kaizen, essa mentalidade enfatiza a importância de identificar e eliminar desperdícios, ineficiências e problemas. Por isso, visa alcançar resultados cada vez melhores.

No cerne da melhoria contínua está o reconhecimento de que sempre há espaço para aperfeiçoamento. Mesmo que uma empresa esteja operando com sucesso, sempre existem oportunidades para otimizar e aprimorar suas operações. A ideia é que pequenas mudanças incrementais, implementadas de forma consistente ao longo do tempo, podem levar a grandes melhorias.

Ela é o 5º príncipio dos 14 princípios de Deming, um dos gurus da qualidade considerado o “filósofo do movimento de qualidade”.

A melhoria contínua vai além de apenas corrigir erros ou resolver problemas pontuais. Além disso, ela envolve uma mentalidade proativa de questionar constantemente as práticas existentes, desafiando a “zona de conforto” e buscando novas formas de fazer as coisas de maneira mais eficiente, eficaz e com maior qualidade.

Uma das características fundamentais desse processo é o envolvimento de todos os membros da organização. Por isso, ela não é responsabilidade exclusiva de uma equipe ou departamento, mas sim de todos os funcionários, independentemente do nível hierárquico. Isso porque cada membro da equipe possui conhecimentos e perspectivas valiosas que podem contribuir para o processo de melhoria.

Por isso, é muito importante que haja o engajamento da equipe em todas as etapas do processo. A melhoria contínua também requer a aplicação de métodos e ferramentas específicas. Veja a seguir algumas das mais utilizadas.

Descubra como um Software para a Gestão da Qualidade pode te ajudar! Preencha os dados para conhecer o Qualiex:

Ferramentas de Melhoria Contínua

Conheça as ferramentas de melhora contínua que podem ajudar nos processos de sua empresa.

1- PDCA (Plan, Do, Check, Act)

O ciclo PDCA é uma das principais ferramentas da melhoria contínua. Além disso, ele envolve a etapa de planejamento, implementação, verificação dos resultados e ação corretiva. Portanto, ao seguir esse ciclo repetidamente, as empresas podem identificar áreas de melhoria, testar soluções, avaliar resultados e fazer ajustes contínuos.

2- Kaizen

O Kaizen é uma filosofia japonesa que significa “mudança para melhor”. Envolve a implementação de pequenas melhorias incrementais em todos os aspectos da empresa, envolvendo todos os funcionários. Essas melhorias podem ser relacionadas a processos, qualidade, produtividade, segurança e muito mais. O Kaizen promove a cultura de melhoria contínua e encoraja a participação ativa de todos.

3- Diagrama de Ishikawa

Também conhecido como diagrama de causa e efeito ou diagrama de espinha de peixe, essa ferramenta visual ajuda a identificar as causas raiz de um problema. Ao mapear as possíveis causas em diferentes categorias, como pessoas, processos, materiais e ambiente, o diagrama de Ishikawa facilita a análise e o planejamento de ações corretivas.

4- 5 Porquês

A técnica dos 5 Porquês é uma ferramenta simples, mas poderosa, usada na melhoria contínua. Consiste em fazer repetidamente a pergunta “por quê?” para identificar a causa raiz de um problema. Ao investigar sucessivamente as respostas, é possível chegar à causa subjacente e implementar soluções eficazes.

5- DMAIC (Define, Measure, Analyze, Improve, Control)

é uma abordagem estruturada de melhoria contínua amplamente utilizada no contexto do Six Sigma. Define: Identificar o problema. Measure: Coletar dados relevantes. Analyze: Identificar as causas raiz dos problemas.  Improve: Desenvolver e implementar soluções. Control: Estabelecer controles para monitorar e sustentar as melhorias implementadas. O DMAIC fornece uma estrutura sólida para a análise e melhoria de processos, ajudando as organizações a alcançarem resultados consistentes e sustentáveis.

Melhoria contínua em relação às Não Conformidades

Existem dois tipos de ação para aplicar o processo de melhoria contínua em relação às não conformidades:

  • Ação corretiva: tem como objetivo eliminar ou diminuir as causas de uma não conformidade ocorrida. Além disso, de uma situação indesejável.
  • Ação preventiva: visa prevenir o acontecimento da não conformidade, eliminando a recorrência de problemas. Determina e elimina a causa raiz das não conformidades para prevenir a sua ocorrência.

Exemplo de Ação Corretiva e Preventiva

Problema: produto com defeito.
Disposição: cancelar produção.
Ação Corretiva: descobrir as causas do defeito e tomar providências para que isso não mais ocorra como fazer manutenção periódica nos equipamentos, treinar os operadores e melhorar o controle de qualidade.
Ação Preventiva: realizar treinamentos constantes com os operadores das máquinas e o gerente da qualidade, bem como fazer um cronograma de manutenção, para que o problema não mais ocorra.

Como Aplicar a Melhoria Contínua em Minha Empresa?

A aplicação eficaz da melhoria contínua requer uma abordagem estruturada e o envolvimento de toda a organização. Aqui estão algumas etapas para implementar a melhoria contínua em sua empresa:

  • Crie uma cultura de melhoria contínua: Comece estabelecendo uma cultura que valorize a busca constante por melhorias. Promova a conscientização sobre os benefícios da melhoria contínua e incentive a participação ativa de todos os funcionários.
  • Estabeleça metas claras: Defina metas claras e mensuráveis ​​que se alinhem com a visão e os objetivos da empresa. Essas metas devem ser desafiadoras, porém alcançáveis, e devem estar alinhadas com as expectativas dos clientes.
  • Colete e analise dados: Utilize métricas e indicadores para medir o desempenho e identificar áreas de melhoria. Colete dados relevantes, analise-os regularmente e tome decisões embasadas em evidências.
  • Envolva os colaboradores: Incentive a participação de todos os colaboradores no processo de melhoria contínua. Eles são a fonte de conhecimento e experiência no dia a dia do trabalho. Promova a colaboração, incentive sugestões de melhoria e reconheça o trabalho em equipe.
  • Promova a aprendizagem e o desenvolvimento: Invista no desenvolvimento de habilidades e conhecimentos dos funcionários. Ofereça treinamentos e programas de capacitação para capacitar os colaboradores a contribuírem com ideias inovadoras e se adaptarem às mudanças.
  • Implemente melhorias de forma gradual: Em vez de grandes mudanças disruptivas, foque em melhorias incrementais. Implemente pequenas mudanças e avalie seus impactos antes de avançar para a próxima etapa. Isso minimiza riscos e facilita a adaptação às mudanças.

Saiba mais sobre o poder da melhoria contínua nesse episódio especial do Qualicast:

Qualiex: O melhor Software para a Gestão da Qualidade!  

Gostou das dicas sobre o melhoria contínua? Com a ajuda do Qualiex você consegue fazer uma gestão sistêmica e profissional dos processos em sua empresa. Elimine planilhas, ganhe tempo, garanta a conformidade com os requisitos aplicáveis e foque seus recursos no que realmente importa.  

E tem mais: Se você é pequena empresa pode contar com a tecnologia Qualiex disponível sob medida para sua organização. O Qualitfy é perfeito para encaixar no orçamento de sua pequena empresa e fazer ela conquistar os resultados que busca.  

Além de sermos o melhor software para gestão da qualidade, te ajudamos com cursos de especialistas voltados à gestão, qualidade e excelência por meio da Saber Gestão. Por isso, não perca mais tempo, entre em contato conosco!  

REFERÊNCIA
MELLO, Carlos Henrique Pereira et al. ISO 9001: 2000 ? Sistema de gestão da qualidade para operações de produção e serviços. São Paulo: Atlas, 2002.

Sobre o autor (a)

2 comentários em “Melhoria contínua: conheça o processo e potencialize seus resultados!”

  1. Pingback: O que é a Acreditação ONA? – Organização Nacional de Acreditação - Qualidade para Saúde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog da Qualidade

Artigos relacionados